Cartão de Visita do Facebook

quinta-feira, 28 de maio de 2015

FAVAS COM ELAS

Em que estás a pensar?
Nas voltas que a vida dá. Caminhos incertos, mas assertivas súplicas das lembranças trazidas por cada objecto que nos rodeia. Se sombras se marcas de poeira se aromas ou a maneira inevitável de sentir o roçar do passado nas esquinas da melancolia. E a velhice dos animais domésticos a rondar divisões apinhadas de saudade nos noctívagos passeios do tempo com cores toldadas de memórias a pintar aguarelas com lágrimas cristalizadas de silêncio. Talvez os sentidos pairem no pó à luz amarelecida dos suspiros.
...

Nas favas com elas
Sim estou a pensar com o paladar
Sentidos gustativos intensos
Para em poesia degustar
Abraços de cebola alho cenoura
Temperos aromáticos profundos densos
Chouriço presunto entremeada moura
Bastante tomate azeite e vinagre balsâmico cheiroso
Assim é um prato de favas apetitoso
E elas?
Ah... as palavras temperam como condimentos de secreto saber
Já poetar com os tachos é um delicioso prazer
...

musa

Sem comentários: