Cartão de Visita do Facebook

segunda-feira, 14 de março de 2016

ESPERANÇA

“A bébé que há poucos dias nasceu no meio da lama, na fronteira entre a Grécia e a Macedónia, sobreviveu.
Há vida a nascer no meio da tragédia.
Marisa Matias”

ESPERANÇA

Não quero chamar-te outro nome
As águas rasgadas nas trevas do medo
Nascida a criança na tenda em segredo
Um grito contra a guerra e contra a fome

Um parto de vida por entre a lama
A tesoura a cortar fronteiras umbilicais
O chão húmido a servir dura cama
Há-de ser lembrado em muitos natais

Somente a esperança criando raízes
Que amor maior esse do que vingar a viver
Acreditando num futuro de dias mais felizes

Guerreira sobrevivente por entre lodo lama e frio
A esperança da humanidade ainda a nascer
Nas margens da vida correm as lagrimas do rio
...

musa

Sem comentários: