Cartão de Visita do Facebook

terça-feira, 27 de outubro de 2015

LEMBRANÇA

Queria tanto e tudo só contigo e outra vez
E quase pranto dos lábios que tanto amei
E beijos roubei sem castigo ou crime talvez
Lágrimas que tanta vez na tua boca já chorei

E sabes não vou desistir nunca, jamais
No fundo teu olhar como um distante firmamento
Vou sempre gritar e querer mais e mais
Um beijo um abraço e o silêncio em contentamento

E ter das tuas mãos porto seguro lealdade
Amarras firmes na doçura das palavras por dizer
Ao cais humedecido de partidas e chegadas com saudade

Talvez tanto ou nada e tudo o que se queira
O beijo já distante o abraço ainda o sinto até morrer
E vivo a cada instante sonhando assim dessa maneira
...

musa

Sem comentários: