Cartão de Visita do Facebook

quinta-feira, 1 de dezembro de 2011

ETERNIDADE


ETERNIDADE
Se ela existe
É a compensação da alma
O sentir do ser
Que em sentido persiste
E da vida se salva
Depois do morrer
De sonho insiste
Numa palavra ou prece
Em forma de viver
De sentimento se tece
Pensar em devaneio
Por forma a transparecer
Vivendo o que acontece
Entre o sentir e o anseio
Sentida eternidade
Quase despedida
Quase saudade
Quase vida
musa

Sem comentários: