Cartão de Visita do Facebook

sexta-feira, 11 de agosto de 2017

QUEM LIBERTOU A IRA DAS CHAMAS

QUEM LIBERTOU A IRA DAS CHAMAS

Que fazem os deuses irados
De chama na mão
Possessos tresloucados
De fogo aceso na escuridão
Que tudo arde em pira infernal
Esses deuses ferreiros do aço
Malham na natureza o vil metal
Deixam o homem em exaustão e cansaço
Com olhos a espelhar arder
Com corpos de espanto e loucura
Com mãos negras a estremecer
Vulcanos em acesas fogueiras
Chão  de brasas em tortura
Faúlhas labaredas inteiras
A rodopiar em combustão
A deixar tudo negro em tição
A maior desolação

Andam irados os deuses do fogo pela terra
Tudo arde tudo se consome tudo se ateia
Montes e vales campos e cidades tudo se incendeia
Estradas casas ou os pinhais da serra
As chamas gigantes demônios a correr sem paração
Queima de tristeza a humanidade imprudente
De angústia e solidão
Talvez inocente
...
musa

Sem comentários: