Cartão de Visita do Facebook

terça-feira, 30 de maio de 2017

FOGO CRU

FOGO CRU

...

Fissuras as palavras onde o silêncio é liquido
Fendas abertas pela lâmina tempo
A ser fugidio
Ou breve
Uma sede maior
Como quem bebe
Da pele em rio
Aberturas como sombras de uma luminosidade que arde
Fogo liquefeito de sentir ou de lamento
Se a saudade a bater no peito esmaece
Fogo cru
E juras somente mais uma tarde
Onde tudo acontece
A nu
Por dentro

"... de ti."

Ou de ti... tudo o que invade.
...

musa

Sem comentários: