Cartão de Visita do Facebook

terça-feira, 30 de maio de 2017

A UM DESEJO VADIO

A UM DESEJO VADIO

Solta das tuas mãos cerradas
Palavras querendo ser um verso
Liberta comigo angustias encerradas
Como um planeta distante
Algures perdido no universo
Explorador caminheiro amante
Libertador de silêncios esquecidos
Herói de um desejo vadio
Abre da alma asas dos sentidos
Da pele do sentir o intimo vazio
Onde o corpo gradeado
Encerra poemas escondidos
Tem fechados a cadeado
Suspiros gritos gemidos
Na secreta profundidade
De longínquos desassossegos
E entre os teus dedos
Infinitos segredos
Da louca intimidade
...

musa

Sem comentários: