Cartão de Visita do Facebook

sábado, 27 de agosto de 2016

O BEIJO. De. JÚPITER

O BEIJO DE JÚPITER

Esperarei meio século tão distante
Dizem na solidão dos anos luz
Deusa do amor essa Vénus amante
Que além infinito entre as estrelas seduz

No misterioso espaço desconhecido
Um beijo acontece em doce proximidade
Há um desejo em rotas de sentido
No silêncio dos planetas que gravitam de saudade

Quase se beijam à claridade fria do luar
As estrelas serenando o queixume dos verbos
No firmamento das trevas a cintilar

Está Júpiter o quinto planeta do sistema solar
Como um reinado de súbditos e de servos
Que a mão cálida do espaço parece beijar
...
musa

Sem comentários: