Cartão de Visita do Facebook

segunda-feira, 1 de fevereiro de 2016

CHÃO DE LINHO - Aguarelas JOÃO BRUM

João Brum
Aguarela 20 x 30
W&N 200 gr
2015
CHÃO DE LINHO
Em chão de linho planura de azul semeado
A terra toda primavera querendo florir
O pano cru no tear com amor bordado
Talhões de sentidos a ponto cheio de sentir

Campestre a paisagem como se um azul espanto
No regaço do campo tomasse os braços da terra mãe
Seus olhos azuis onde tantas florinhas esvoaçam encanto
Silvestre segredo bordado em lençol de ninho também

Estendido ao sol o campo azul enche o olhar
Dando colo às borboletas abelhas joaninhas sobre as flores
Parece uma nuvem dançante em azul céu a passar

O campo de linho ainda sem viver o seu azulado tormento
De todas as lides que lhe embalam e adormecem as dores
E escondem dos olhos azuis e tristes o doce lamento
...

musa

Sem comentários: