Cartão de Visita do Facebook

sexta-feira, 14 de agosto de 2015

UM DIA HEI-DE VOAR

“Um voo lindo, o teu,
Pássaro esvoaçante,
Prenúncio de Vida
Nos meus jardins secretos...
A.”
Não te prendo
Não saberia prender-te
De amor pouco entendo
Da vida, compreender-te
Sou ave sem asas
Não sei voar
Viver-te
Ninho no seio das tuas mãos
Planalto de onde voar de sentidos
Planície onde semear gemidos
A esvoaçar viagens de prazer
Nos teus olhos a estremecer
Entre os meus perdidos
Mar sentir querer
Voo intimidade
Não saberia prender-te
Nunca aprendi a amar
Vim somente dizer-te
Das asas da sensualidade
Um dia hei-de voar
...

musa

Sem comentários: