Cartão de Visita do Facebook

sexta-feira, 3 de julho de 2015

NO TEU ABRAÇO AINDA NOITE

NO TEU ABRAÇO AINDA NOITE
A rua deserta abraços abertos
Os teus olhos estendidos
Os passos de silêncios incertos
Os teus beijos escondidos
Da noite por abraçar
De sonhos secretos
E ninguém consegue imaginar
O que escondemos nos sentidos
Da rua tão só de gente
De gritos e gemidos
Do que se sente
Na escuridão
Da vida
E os dois atravessamos o tempo
Em pontes de meiga cumplicidade
Beijamos o olhar e o pensamento
Estreitamos nos braços o sentimento
Sem que contemos a verdade
Há entre nós esse sentir
Algo intenso intimidade
Profundo até na eternidade
Além da morte existir
A noite possa ser
No teu abraço ainda noite
Em carnal desmedido prazer
Todos os dias que já te tive
Imenso universal sem fim
Esse amor maior que ainda vive
Dentro de mim
...

musa

Sem comentários: