Cartão de Visita do Facebook

domingo, 28 de dezembro de 2014

SAL SUL SOLIDÃO

Tão salgado este mar que acompanha
Ao sul dos dias vénia luz do sentir
Esta imensa e profunda magoa
Da lágrima desfeita por cumprir
Os dias em devassa solidão
Em sombreado sentir
De iluminada negação
Oceano de intimidades
As sombras do tempo imperfeito
Em luminosas cumplicidades
Que apertam sentido o peito
Brotam do olhar humedecido sentimento
O pensamento em vagas desfeito
Húmido sal descontentamento
Verso ilusão da luz
Mar dos meus olhos seduz
Sombra deslumbramento
Viverei a réstia além horizonte
Incumprimento
Brilha no sonho da fronte
Também a vida o tempo
...

musa

Sem comentários: