Cartão de Visita do Facebook

terça-feira, 23 de setembro de 2014

BREVIÁRIO DE OUTONO

Das sombras da luz do olhar
Breve claridade esfria
Luminosidade do tempo
E deixa trespassar
Cores em sintonia
Pela mão do vento

Breve a brisa desmaia
O verde em adamada cor
De ocre pigmento
Como a luz que caia
Brancos matizes da flor
Tinge-se o rubro de amarelos
Húmus de castanhos e laranjas e roxos e vermelhos
Os tons mais quentes e singelos
Da quimica outonal
Do envelhecer os espelhos
Da ordem natural
Do tempo

Em intimia frialdade
A harmonia adormece
Saudade sentimento
Deixa para trás a mocidade
A juventude desfalece
A idade madura
Que somente parece
Ternura
....

musa

Sem comentários: