Cartão de Visita do Facebook

terça-feira, 15 de abril de 2014

HÁ UMA ANDORINHA NO CÉU DA TUA BOCA

.HÁ UMA ANDORINHA NO CÉU DA TUA BOCA

Só agora, ao ler o teu poema, reparei que chegou a primavera...

Ou foi só agora mesmo que chegou... Sei lá...

Ainda não tinha, talvez, visto o voo das andorinhas...

Beijo-te...

Antonio

Um céu de azul embevecendo teu olhar
Não sei se foi o mar que se fez praia em ti
Ou em terra gaivotas a esvoaçar
Trazendo a saudade que adentro adormeci
E nas asas das andorinhas docilmente naufragar

Olha lá longe há bandos chegando
Tingindo de negro bordadura dos beirais
Talvez ainda seja cedo esta loucura dos pardais
Os céus dos nossos olhos esvoaçando

Trago nas mãos a tua Primavera
Risos de aves e abraços de asas a esvoaçar
No coração azul chave quimera
Trago nos lábios gosto de mares e montanhas por desbravar
Há uma andorinha no céu da tua boca
Esta vontade estranha e louca
De num abraço te beijar

Sim como eu queria ser a tua andorinha
Negridão em flor sorriso do teu sentir
Como eu queria uma Primavera só minha
Em ti chegar sem nunca ter de partir
...
musa

Sem comentários: