Cartão de Visita do Facebook

quinta-feira, 23 de janeiro de 2014

ACONTECE SER

Acontece ter-te silêncio
o segredo
a essência,
a pele
as palavras
o sentir
o ser

que ausência te liberta
inconstante
inconcepta
essa necessitada vontade de expelir
o que existindo possa desistir
de sublimada libertação
no rasgo tremulo do punho da mão
todos os desenganos que possa consentir
esta muda escrita absoluta mordaz desilusão

onde te coloco depois da mutação
quando a palavra se desdobra
e no fingimento a fruição
do sentir que me cobra
esta vontade não
e querer dizer sim
fugindo do real
imitação carnal
do sentido
proibido
emocional

musa

1 comentário:

OceanoAzul.Sonhos disse...

Acontece ser, em palavras que chegam a nós.

Muito bonito
cvb