Cartão de Visita do Facebook

domingo, 23 de junho de 2013

ROSAS DE MAR... a um desconhecido... sem mistério não há mais segredos...

faço do teu corpo roseiral
perfumando areias dos sentidos
dou-te forma escultural
de rochas e penedos vivos
em maresia madrigal

das dunas teus seios esculpidos
vagas que de mãos humedecidas
no embalo do mar adormecido
desnudam teus olhos desconhecidos
e deixam as ondas perdidas
invadir de silêncio o meu sentido

e faz-te o mar de sal e segredos
nas veias escorrendo a maresia
na pele a dureza dos rochedos
nos dedos o toque da fantasia

 e faz-te o mar de arbustos e arvoredos
e molda de algas teus cabelos salgados
e deixa sonhos e sal nos teus dedos
e húmidos de pétalas os olhos aguados

faço do teu corpo areias perfumadas
no pescoço molhado lavram-se espumas
deixo escorrer as horas cansadas
onde respiro palavras e brumas

musa

Sem comentários: