Cartão de Visita do Facebook

terça-feira, 23 de abril de 2013

AO LIVRO - Dia Mundial do Livro


Eterno firmamento do sentir
Alvéolos de palavras em favo de sentidos
O mel do pensamento
Doce sentimento
Arte leitura

Quantas vezes sonhos aí escondidos
Em livros de páginas com a loucura
De dizeres insanos proibidos
Em folhas escritas secura
De sonhos ressequidos
Feitos palavras livros
Páginas ternura

Tenho pelo livro feito
Em colmeia ilusão
Tantos que guardo no peito
Porque ler é uma paixão
Por vezes proibida
Por dentro enternecida
Por fora destemida
Lida com comoção

Ao livro o ser e a vida
Ao sentir em cada página virada
Que por mais que eu me sinta viva
Há em cada instante uma folha escrevinhada
Um momento da vida rasurada
Um segundo da vida escriturada
E eu viva e inteira alimentada
Por livros palavras escritas
Em folhas sagradas e malditas
musa

Sem comentários: