Cartão de Visita do Facebook

sábado, 1 de setembro de 2012

ABRAÇO AO LUAR


ABRAÇO AO LUAR
A lua esquiva era um furta-cor em céu enegrecido de luminosas estrelas, furtiva em todo seu esplendor azulado, trazia ao fim de Agosto o mistério dos tempos na sublimação de todos os sentidos aprisionados em pura sedução de olhares cruzados perto do mar onde ela se espelhava musa radiosa de um reino de tentações.

Chevalier — sexta, 31 agosto 2012 20:32
Gosto de ti
Muse — sexta, 31 agosto 2012 20:40
L’aube de la femme apprivoisée par le chevalier passionnée
Chevalier — sexta, 31 agosto 2012 21:03
Tu es déjà apprivoisée?
Muse — sexta, 31 agosto 2012 21:12
Pássaro livre
Chevalier — sexta, 31 agosto 2012 21:20
Queres vir dentro da gaiola dos meus braços?
Muse — sexta, 31 agosto 2012 21:23
Em galho do teu sentir poisarei
Chevalier — sexta, 31 agosto 2012 21:34
Serei frondosa árvore acolhendo-te em regaço de folhagem
Muse – sexta, 31 agosto 2012 21:32
Cativa desse enlace proteção de sentir
Chevalier — sexta, 31 agosto 2012 21:36
Queres namorar comigo?
Muse — sexta, 31 agosto 2012 22:02
Devia? rsrsr
Chevalier — sexta, 31 agosto 2012 22:03
Dever… talvez não, mas querer....
Muse — sexta, 31 agosto 2012 22:03
Como vou saber se quero
Chevalier — sexta, 31 agosto 2012 22:04
Provando o sabor dos meus lábios...
Muse — sexta, 31 agosto 2012 22:07
Onde a ave mata a sede...
Chevalier — sexta, 31 agosto 2012 22:12
Queres tentar?
Muse — sexta, 31 agosto 2012 22:16
Tento resistir a tentações… mas se me tentas…

Vindouro dos tempos esse sentir da sedução em secreta partilha de sussurros de palavras, manchava de estranha e fria claridade a intemporal luz de todas as servências, era o chamamento da majestosa dama aos pés do império firmamento, caída nos braços de imponente desejo de se entregar em noite de lua cheia, a mais brilhante e azul que os séculos presenciariam por toda a eternidade, clareando um beijo ao luar defronte a imensidão do mar cor de prata fundeado em noite de paixão e sedução.
musa

Sem comentários: