Cartão de Visita do Facebook

quarta-feira, 8 de julho de 2009

ALMA MULHER

O que sou eu

Sou Mulher
Ainda que aos teus olhos
Seja melancolia
Sou Mulher
Ainda que no teu coração
Seja agonia
Sou Mulher
Ainda que no teu riso
Seja água
Porque mulher mágoa
Sempre serei
Já ao nascer chorei
E de lágrimas me fiz mulher
Do ventre brotaram filhos
Quais ventos sem asas
Dando-me o nome de mãe
Mas sou Mulher
Nome que ela apenas tem
Porque da vida
Conheço o choro
Penas
E a dor
Sou Mulher
Porque sou vida
E amor

Sem comentários: